Semana a semana

A gravidez

A gravidez está dividida em três etapas. O primeiro, segundo e terceiro trimestres. O primeiro trimestre começa na semana 1 e acaba na 14, o segundo abrange as semanas 15 a 26, e o terceiro das semanas 27 a 40.
A gravidez

1ª Semana da Gravidez
É o início do desenvolvimento de um novo ser. Nesta altura ainda não está grávida, mas o seu corpo está a preparar-se para a ovulação. É nestes dias que o óvulo é fertilizado pelo espermatozóide e depois já com o ovo fecundado a deslocar-se através das trompas de Falópio até atingir o útero. Contudo, nesta fase ainda é muito cedo para existirem os primeiros sintomas de gravidez.

2ª Semana da Gravidez
Nesta fase, o ovo passará de uma bolinha sólida de células para uma camada de células cheia de fluído chamada blastocisto. Começa-se a desenvolver o embrião, que é basicamente constituído pela formação da cabeça, um tronco e um rabo enrolado.

As primeiras semanas são de extrema importância, sendo esta a fase de desenvolvimento das bases que darão origem ao corpo, às características e ao sistema nervoso.

3ª Semana da Gravidez
No final desta semana será produzida a hormona responsável pela maior parte dos sintomas de gravidez (HCG) e pelo sinal positivo no teste de gravidez .

A implantação começa assim que o conjunto de células chega à parede do útero, o que por vezes pode levar a pequenas perdas de sangue.

Inicia-se o processo de formação da futura placenta, fonte de nutrientes para o seu bebé. Começa a formação dos vasos sanguíneos, rede que levará oxigénio à placenta e ao próprio embrião e o embrião já tem a coluna e o sistema nervoso em formação.

4ª Semana da Gravidez
Esta é uma semana de rápido desenvolvimento, e o seu corpo agora percebeu agora que está grávida. Normalmente é ao dia 27 que começam os enjoos matinais. Agora que sabes que estás grávida, deves procurar um médico obstetra para acompanhar-te durante este período.

É uma fase transitória entre a formação do embrião e a formação dos órgãos do bebé. Aproxima-se a altura dos primeiros batimentos cardíacos que se podem manifestar por volta do 23º dia. O embrião nesta altura encontra-se na cavidade amniótica, parecendo-se com uma vagem, onde os esboços dos órgãos começam a ganhar forma.

Com a chegada do fim do primeiro mês da gravidez, o embrião rondará os 3 mm.

5ª Semana da Gravidez
Nesta fase começa a sentir-se mais mamã, com alguns sinais, entre a ausência do período menstrual, enjoos e sensibilidades corporais, mais concretamente mamárias. São mais visíveis as diferenças no teu corpo.

Entretanto o teu bebé tem crescido, apesar de ser do tamanho de um grão de arroz, o seu coração já começou a bater, a placenta já funciona e o seu sistema nervoso central, músculos e ossos estão em formação.

6ª Semana da Gravidez
O cansaço e alguns sintomas algo desconfortáveis como enjoos fazem-se sentir com maior regularidade, levando a um esgotamento tanto físico como psicológico, sendo esta uma etapa da gravidez em que se recomenda o máximo descanso possível.

O bebé começa ganhar forma, e tudo pode influenciar o seu desenvolvimento, o coração aumenta e dá-se os primeiros passos no desenvolvimento do estômago, intestino, pâncreas e aparelho urinário.

É no início desta semana que o coração do bebé começa a bater. A artéria aorta começa a formar-se por volta do dia 40. A meio da semana serão muitos os órgãos que se começam a formar: olhos, braços, fígado, bexiga, estômago e intestinos, pulmões e pâncreas.

7ª Semana da Gravidez
As alterações no seu corpo continuam a acentuar-se, nomeadamente, o escurecimento dos mamilos, sinal do início de produção de leite. É também a altura indicada para fazer uma visita ao seu dentista. Cuidando de si, está a cuidar do seu bebé.

Altura em que os vários segmentos dos membros se individualizam, e os traços do rosto começam a parecer mais nítidos - duas pequenas saliências para os olhos, duas covinhas para as orelhas e uma abertura para o nariz e boca. Os olhos já têm a retina. O bebé já se mexe e tem o seu próprio tipo de sangue, distinto do da mãe. Já se vêem os braços e as mãos, e o seu coração já tem a cavidade direita e esquerda.

8ª Semana da Gravidez
Nesta fase sentirá a sua cintura a aumentar, sendo que o útero deverá ter o tamanho aproximado de uma maça. Será normal se sentir um desconforto na zona inferior do abdómen. As náuseas podem tornar-se intoleráveis. Se for o caso aconselhe-se com o seu médico para que lhe indique algo específico para as aliviar.

Mais um passo dado, o embrião já é um feto. Dá-se o aparecimento dos primeiros sinais dos pés e mãos, nesta fase o feto deverá ter cerca de 2 a 3 cm.

O cerebelo começa a formar-se esta semana. É a parte do cérebro responsável pelo movimento dos músculos. O coração começa a formar as quatros cavidades. Os dentes estão-se a formar dentro das gengivas.

9ª Semana da Gravidez
Nesta altura é provável o aparecimento de borbulhas, notar a pele oleosa, nada de alarmante, com o decorrer da gravidez ou após o parto tudo desaparecerá.

Com o avançar das semanas o feto vai ficando com a estrutura mais definida. Começa a chegar a fase da pergunta: É menina ou menino? Com a formação dos órgãos genitais ainda muito no inicio, não é possível definir o sexo devido à semelhança existente entre ambos.

Ele mede por esta altura 2.3cm e pesa cerca de 2 gramas e começa a ser mais activo.

10ª Semana da Gravidez
A gravidez provoca alterações hormonais e como tal é a altura das emoções, ora feliz ora triste, estado natural na gravidez. No entanto, se se sentir muito deprimida será recomendável uma visita ao seu médico, pois pode surgir uma depressão pré-natal. Uma boa notícia será o desaparecimento dos enjoos ou pelo menos a diminuição dos mesmos.

Por esta altura o coração do teu bebé é já muito parecido com o de um recém-nascido.

O seu embrião já tem aspecto de um bebé, mas tudo em pequena escala. O lábio de cima está completamente formado. O desenvolvimento do coração agora é lento, uma vez que já passou a fase mais crítica. A meio desta semana os lóbulos das orelhas estão formados. Os dedos dos pés começam a formar-se. Assim que os ossos do palato se fundam, a língua começa desenvolver papilas gustativas. Os seus dentinhos estão a formar-se nas gengivas. Tem já as impressões digitais que o identificarão toda a vida. Até ao fim da semana todos os órgãos e sistemas do teu bebé estarão formados e a partir de agora só precisam de se desenvolver e crescer.

11ª Semana da Gravidez
À medida que os enjoos matinais desaparecem, poderá sentir o seu apetite a aumentar. O crescimento da sua barriga começa a acentuar-se, produzindo alterações na sua estrutura óssea.

O corpo do seu bebé começa a endireitar-se. Os aparelhos genitais do bebé estão a desenvolver-se e brevemente poderás ver se tens um menino ou uma menina. É nesta altura que o bebé começa a mostrar alguma individualidade, uma vez que a estrutura muscular varia de bebé para bebé. Os primeiros movimentos do bebé começam a dar-se, no entanto, pode a mãe ainda não os sentir.

Para além do desenvolvimento dos órgãos do bebé, começam a formar-se as unhas.

12ª Semana da Gravidez
Cansaço, ligeiras tonturas e dores de cabeça são muito comuns nesta fase da gravidez. Mais do que os sintomas descritos, deverá procurar o seu médico. A pressão que o bebé exercia sobre o seu útero vai diminuir, logo irá menos vezes à casa de banho, e com a diminuição da pressão o útero vai ganhar elasticidade para o crescimento do bebé.

Agora sim, já é possível ouvir os batimentos do coração do seu bebé. Os órgãos genitais já se diferenciam e o órgão sexual externo masculino torna-se claro. Também se começam a formar os primeiros ossos do feto.

O bebé nesta fase já é capaz de engolir, mas ainda não consegue respirar por si só, fazendo-o através do sangue que circula entre o bebé e a placenta. Os rins também já se desenvolveram e o teu bebé já faz xixi.

O bebé já abre e fecha a boca, já pode chuchar o dedo, os seus olhos têm pálpebras, mede já cerca de 5,4 cm e pesa 14 gramas.

13ª Semana da Gravidez
Está agora no 2º trimestre de gravidez! Com a estimulação das glândulas protectoras do leite os seus seios estarão provavelmente maiores, é natural sentir alguma dor na zona do abdómen, deve-se ao aumento do útero forçando os músculos a esticar. Deve ter atenção à alimentação para não engordar demasiado, pois pode ser prejudicial à sua saúde e à saúde do seu bebé.

Nesta altura, a cabeça do feto pode ser medida pelo ultra-som, e o seu crescimento já não se diferencia do resto do corpo. É durante esta semana que os intestinos do bebé irão para a cavidade abdominal e as cordas vocais formam-se na laringe.

14ª Semana da Gravidez
Chegadas ao 2.º trimestre, os desconfortos da gravidez vão desaparecendo com o facto do seu corpo já se ter habituado às alterações hormonais às quais tem estado a ser sujeito. Por esta altura poderá começar a sentir o seu bebé a mexer que se continua a desenvolver-se a bom ritmo. Nesta altura as orelhas já deverão estar posicionadas no seu lugar, e deve estar com cerca de 9 centímetros.

A sua pele neste momento não passará de finíssima como um papel de seda, estando coberta por um pêlo finíssimo e macio (lanugo), que desaparece antes do nascimento. Podem verificar-se já alguns movimentos mais controlados pelo bebé, como o agarrar. O seu pescoço está a crescer e poderá ver que o seu queixo já não se encosta ao peito.

15ª Semana da Gravidez
Por esta altura algumas mulheres já aparentam ter uma "barriguinha com uma dimensão considerável. Poderá sentir receio em ter relações sexuais ou ter algum desconforto em adormecer. Recomenda-se que com ajuda de almofadas crie o seu ninho, sendo a posição mais recomendada deitar-se sobre o lado esquerdo. Não esquecer os cuidados com a alimentação.

O bebé cresce contente da vida, os cabelinhos crescem e vão tapando a sua cabeça, a sensibilidade dos olhos à luz começa a ser uma realidade, mesmo que ainda não os abra, movimenta-se muito e ele já é capaz de sentir o gosto da comida que come. Já consegue virar a cabeça, abrir a boca, dar pontapés, juntar os lábios e virar os pés.

16ª Semana da Gravidez
Com o rápido crescimento do bebé o seu corpo também se vai ajustado, recomenda-se o uso de soutiens confortáveis. À medida que o útero se move para cima a sua barriga começa a notar-se mais.

Os sorrisos, caretas, e outras expressões começam a ser mais nítidas, as brincadeiras com o cordão umbilical iniciam-se. As suas orelhas já estão formadas e o sexo já se deve conseguir ver. O seu bebé já tem 11,6 cm, sobrancelhas e pestanas, já suga e engole e pode até ter soluços. Boceja, espreguiça-se e franze a testa. Os músculos tornam-se mais fortes e a cabeça e o pescoço começam a ficar mais direitos.

17ª Semana da Gravidez
Os seus peitos estão a aumentar de tamanho e deve ter aumentado o teu peso. O seu útero deverá estar posicionado 6 centímetros abaixo do umbigo, a sua barriga está cada vez mais arredondada, e os movimentos do bebé começam a fazer-se sentir. Procure arranjar exercícios de relaxamento e informa-se sobre as aulas de preparação para o parto.

Caso tenha indicação, é por esta altura que é feita a amniocentese para recolha de informações sobre o estado de saúde do bebé.

Esta semana o seu bebé começará a desenvolver o seu tecido adiposo. O seu bebé está a praticar mais reflexos esta semana - piscar os olhos, chuchar e engolir. Durante este mês o peso do seu bebé aumentará 6 vezes.

18ª Semana da Gravidez
Vai sentir o seu bebé mais agitado. Não se preocupe, é perfeitamente normal. Indigestões, gases, tonturas e sensação de fraqueza também são condições perfeitamente normais nesta fase. Poderá também sentir alterações no teu cabelo e pele, tudo isto é derivado às alterações hormonais por que está a passar.

Alimente-se bem durante esta semana, mas não exagere. Ingira hidratos de carbono, para dar-lhe mais energia, a si ao seu bebé, mas com moderação. Coma alimentos ricos em cálcio. Faça exercício físico é bom para a circulação sanguínea e relaxamento. Com o peso e a "barriguinha" deve preocupar-se em saber movimentar-se.

Nesta fase o bebé já é capaz de sentir e ouvir. A meio desta semana os olhos e orelhas do bebé estarão nos lugares certos. As impressões digitais começam a formar-se no fim da semana. A mielinização - processo de cobertura dos nervos com uma substância gorda chamada mielina que acelera a transmissão entre as células nervosas – começa esta semana. Por volta do segundo dia desta semana o bebé vai começar a produzir mecónio (fezes) nos seus intestinos.

19ª Semana da Gravidez
É normal que nesta altura tenha azia. Deve-se à incompatibilidade da retenção de líquidos com o crescimento do útero, pois o estômago é pressionado. É possível que você sinta alguma dor no baixo-ventre. Não é nada com que se deva preocupar - são os músculos e ligamentos que sustentam a barriga a esticar-se cada vez mais.

Esta é uma fase essencial para o desenvolvimento sensorial do seu bebé, que ocorre em áreas especializadas do cérebro. Forma-se uma substância cremosa que protege o corpo do bebé. Protege o bebé e as suas glândulas em desenvolvimento e células sensoriais. Se o bebé é uma menina os óvulos estão desenvolvidos nos ovários, aliás as meninas nascem já com todos os óvulos nos seus ovários. O bebé já vai ensaiando os movimentos respiratórios.

20ª Semana da Gravidez
Chegou a meio caminho! É importante que mantenha a sua pele bem cuidada, aplicando um creme nutritivo e hidratante, não a deixe ficar seca. Não use roupa muito justa. Outra coisa importante nesta fase é a ingestão de uma quantidade suficiente de ferro. O bebé precisa dele para produzir glóbulos vermelhos. Entre os alimentos ricos em ferro estão carnes vermelhas magras, frango e peixes. Relativamente a suplementos só os deve tomar se eles tiverem sido receitados pelo seu médico.

O bebé está agora coberto por uma substância oleosa chamada vérnix que cobre todo o seu corpo, para proteger a pele da prolongada submersão no líquido amniótico. Alguns bebés chegam a nascer ainda cobertos por ele.

Nesta fase sentirá o bebé particularmente à noite, uma vez que estará mais atenta aos seus movimentos. O bebé pesa agora 300 gramas e tem 25,6 cm, vai praticando os movimentos necessários à sua futura alimentação e tem já as unhas dos pés e das mãos. O seu bebé acorda e dorme, tal como um recém-nascido.

21ª Semana da Gravidez
A sua "barriguinha" não pára de crescer, por vezes podes sentir comichão ou a pele a "esticar". Deve aplicar produtos oleosos e hidratantes para proteger a sua pele. É provável que possa começar a surgir alguns incómodos, tais como: veias dilatadas, inchaços e varizes. Algumas mulheres também revelaram suar mais nesta fase.

O feto apresenta neste momento um peso entre 300 e 400g e mede, em média, 18 cm.

As suas características faciais estão formadas, o seu cabelo está em crescimento. O coração está mais forte e conseguem-se ouvir os batimentos cardíacos pelo estetoscópio. Nesta fase a medula óssea está a criar células de sangue (os glóbulos brancos). Os seus intestinos estão a funcionar e ele absorve açúcar contido no líquido amniótico, que, segundo os especialistas, desenvolve o sistema digestivo e condiciona-o a funcionar correctamente após o nascimento do bebé. A partir desta altura, a mãe começa a distinguir perfeitamente os movimentos do feto, ou nos casos em que já sentia, estes intensificar-se-ão.

22ª Semana da Gravidez
Deve estar alerta a alguns sinais, nomeadamente, hemorragias, febre alta, vómitos persistentes, dor a urinar, se não sentir o teu bebé a mexer como antes, dores abdominais fortes, grande inchaço na cara e dedos ou dores de cabeça permanentes.

A grávida não pára de ganhar peso - a média é de 250 gramas por semana. O apetite aumenta e é perfeitamente normal sucumbir à vontade de comer uns doces de vez em quando, mas tente encontrar substitutos mais saudáveis no caso de essa vontade ser muito frequente.

Nesta fase o feto já se parece muito com aquilo que será aquando do nascimento, pese embora com um tamanho ainda pela metade. Se o bebé é um menino, os testículos começam a mover-se da área pélvica para o escroto. O cabelo e as sobrancelhas são visíveis, brancos e curtos.

Os lábios estão mais formados, e os olhos registaram um desenvolvimento significativo - embora a íris ainda não tenha pigmentação, as sobrancelhas e pálpebras estão no lugar certo. O paladar do feto sofre nesta altura, a par de outros sentidos, um grande desenvolvimento, pois nesta fase o bebé consegue detectar sabor no líquido amniótico. O cérebro inicia nesta altura um desenvolvimento mais acelerado.

23ª Semana da Gravidez
Com o aumento do peso poderá ter edemas e inchaços nas pernas e pés com maior frequência Procurar ter os pés levantados sempre que puder e não passar muito tempo de pé. Procure descansar durante o dia e não esqueça de ingerir bastantes líquidos, especialmente água.

A evolução do aparelho respiratório do feto prossegue e os seus órgãos sexuais, são agora, claramente visíveis. Embora o bebé esteja a ganhar peso a cada dia que passa, a sua pele ainda está bem enrugada.

O corpo dele está a ficar mais proporcional à medida que o tempo passa, mas a cabeça ainda é um pouco maior em relação ao resto do corpo, o que é perfeitamente normal.

Por esta semana o bebé já é capaz de ter movimentos oculares rápidos, que nos adultos são indicadores dos sonhos. Se for uma menina, tem já nos seus ovários milhares de óvulos e, se for rapaz tem o escroto bem desenvolvido.

Os ossos do ouvido médio começam a endurecer possibilitando a condução do som. O bebé começa a ganhar um peso considerável entre este e o próximo mês. O corpo do bebé começa a ficar mais.

24ª Semana da Gravidez
Está no sexto mês de gravidez. É uma boa altura para começar a pensar no quarto do bebé. Nesta altura o umbigo da mãe começa a "aparecer demais", mas não se preocupe, pois ele voltará ao seu estado pré-gravidez pouco após o parto. Podem começar a aparecer na sua barriga, coxas, rabo e seios algumas estrias avermelhadas. Pode sempre tentar fazer para evitar danos irreparáveis e manter estas zonas do corpo sempre hidratadas com cremes gordos. Por esta altura deve aumentar entre 250gr a 500gr por semana. Pode sentir alterações na sua respiração, isso deve-se ao aumento de progesterona que estimula a respiração, acelerando-a.

Nesta fase a audição do bebé está muito desenvolvida e os barulhos mais fortes podem assustá-lo. Fale com o seu bebé, pois assim ele habitua-se à sua voz. Os pontapés vão começar. Prepare-se.

Os órgãos de equilíbrio existentes no ouvido interno do teu bebé estão completamente desenvolvidos e no tamanho definitivo. Irá começar a abrir os olhos e leva uma vida muito activa. Move-se, saboreia, cheira, vê, ouve e, pensa-se que também sonha. Tem cerca de 30 cm e pesa aproximadamente 600 gramas.

25ª Semana da Gravidez
Altura ideal para pensar nas roupinhas e acessórios do seu bebé.

Poderá sentir como se o teu bebé andasse aos saltinhos na sua barriga, isso quer dizer que ele está com soluços, ele bebe o líquido amniótico que inclui glucose, frutose, sal, proteínas, ureia, ácido cítrico, ácido láctico, ácidos gordos e aminoácidos. Pode também sentir cãibras, mas é normal, embora as possa evitar. As cãibras são causadas por deficiência de cálcio, por isso certifique-se que consome cálcio suficiente.

A pele do bebé começa a tornar-se rosada à medida que os capilares se desenvolvem. As narinas começam agora a abrir. Os pulmões começam a desenvolver vasos sanguíneos, e as unhas já têm metade do tamanho normal. O seu crescimento continua rápido e começa a ter menos espaço dentro do útero da mãe.

26ª Semana da Gravidez
Desconfortos como dores nas costas, e pressão sobre a sua bexiga começam a intensificar-se, bem como, dores de cabeça e nas pernas devido ao aumento de peso que você está a sofrer, pois o bebé continua a crescer. Corrimento vaginal maior que o normal, bem como incontinência urinária, é bastante comum durante a gravidez.

O seu bebé respira cada vez melhor, os pulmões estão a desenvolver-se mais rápido nesta semana. O cérebro está a registar tudo relacionado com luz e som.

Com as narinas agora abertas, a respiração muscular vai começar. No fim da semana os pulmões segregam uma substância que impede o tecido dos pulmões de se colar. Com a formação de vasos sanguíneos nos pulmões, eles vão agora desenvolver sacos de ar.

27ª Semana da Gravidez
Está a entrar no último trimestre da sua gravidez e a sua alimentação tem um papel muito importante no desenvolvimento do bebé nesta altura. Aliás, sempre teve, mas agora ele vai precisar de uma quantidade maior de nutrientes para a finalização do processo de desenvolvimento. A mãe deve aumentar a quantidade de legumes nas refeições e confirmar com o médico que a acompanha se não precisa de tomar algum suplemento de ferro e/ou vitaminas.

Agora que você se aproxima da fase final da gravidez - o terceiro trimestre -, o bebé começa a preencher todo o espaço disponível dentro do útero.

Nesta semana o seu bebé irá começar a praticar a sucção, o seu peso continua a aumentar devido, em grande parte, ao aumento do seu tecido adiposo. É devido ao tecido adiposo que o bebé irá conseguir regular a sua temperatura interna após o nascimento.

Os pontapés começam a ser mais fortes à medida que o seu bebé também se torna mais forte. Ele já abre e fecha os olhos, dorme e acorda em intervalos regulares.

28ª Semana da Gravidez
Está no último trimestre! Deve começar a preparar a mala para o parto.

O seu bebé tem agora 37,6 cm e pesa cerca de 1 kg. Está completamente formado. O seu cérebro está cada vez mais activo. Os cabelos da cabeça do bebé também estão a crescer mais e mais. As sobrancelhas e as pestanas começam também a marcar presença no rosto do bebé. As pálpebras descolam-se e abrem e fecham. A tonicidade muscular está a melhorar, e os pulmões são capazes de respirar ar.

29ª Semana da Gravidez
O apetite da mulher continua a aumentar, porque o bebé está num estirão de crescimento e precisa de energia, mas tente resistir à tentação de comer doces e alimentos com gordura. É importante ingerir bastante ferro, que ajudará o bebé a produzir glóbulos vermelhos - e impede que fique anémica. Os suplementos de ferro, como as multi-vitaminas receitadas para grávidas, podem causar prisão de ventre. Para combater este problema, é recomendável comer bastante fibra. Cada vez mais sentirá que os seus pés estão quase um número maior do que o de costume. Procure não prejudicar os seus pés, usando calçados leves e bem confortáveis.

O cérebro do bebé já exerce controlo sob a sua respiração e a temperatura. Ele já consegue tossir e engolir. A sua pele está menos enrugada, conforme ele ganha peso e continua a acumular gorduras. As unhas nesta altura deverão já também estar formadas. Ele tem cada vez mais energia, e por isso você deverá sentir muitos movimentos e pontapés.

30ª Semana da Gravidez
Cada vez mais é difícil para a mãe arranjar posição confortável para dormir. Auxilie-se das almofadas para ajudar a encontrar um melhor posicionamento para dormir. A necessidade nutricional do bebé no terceiro trimestre é altíssima. Não descure a sua alimentação e não desista nem se canse de comer alimentos saudáveis e ricos em proteínas, principalmente agora. Vitamina C, ácido fólico, ferro e cálcio (aprox. 200 mg é depositado no esqueleto do bebé a cada dia) formam a sua lista de prioridades. O bebé está agora a armazenar os nutrientes ingeridos por si.

Comece a preparar-se para o parto, aprenda técnicas de respiração e relaxamento.

Os pulmões e o sistema digestivo do bebé estão quase maduros. Neste período o crescimento e desenvolvimento cerebral são muito acelerados.

O bebé consegue distinguir a luz da escuridão. No entanto, ele vai manter os seus olhos fechados durante a maior parte do dia. A sua medula óssea tem a função de produzir glóbulos vermelhos. No fim desta semana o lanugo (penugem que cobre o corpo do bebé) já só se encontra apenas nos ombros e nas costas.

31ª Semana da Gravidez
Pode começar a sentir umas pequenas contracções (contracções de Braxton-Hicks) de vez em quando, não se preocupe, mas tenha cuidado, não faça demasiados esforços. Apesar de o bebé estar completamente desenvolvido, os seus pulmões ainda não estão totalmente preparados. Ainda é cedo para o teu bebé nascer. Poderá ter alguma dificuldade em respirar, uma vez que o diafragma está a ser pressionado pelo útero, mas dentro em breve este problema vai desaparecer e você vai sentir-se muito melhor, pois o bebé começa a afastar-se para baixo, preparando-se para nascer.

Os 5 sentidos do bebé estão já completamente desenvolvidos e a única parte em desenvolvimento é a zona dos pulmões. Ainda precisam de mais tempo.

O seu crescimento diminuirá de ritmo agora, mas o seu peso vai continuar a aumentar bastante. A quantidade de líquido amniótico começa a diminuir conforme o seu bebé vai ocupando mais espaço dentro do útero.

Você vai começar a perceber uma mudança nos movimentos do bebé - nesta altura eles passam a ser menos bruscos, porque já não há tanto espaço no seu útero, portanto nada mais de cambalhotas.

Ao mesmo tempo que o crescimento começa a ser mais lento, os órgãos internos ainda estão a amadurecer, por isso garanta que está a tomar ácido fólico, ferro e cálcio suficientes.

32ª Semana da Gravidez
Estás quase no fim, só faltam 8 semanas!

Nesta fase o estômago leva mais tempo a fazer a digestão, pelo que deve tomar refeições ligeiras.

O bebé tem agora 42,4 cm e pesa pouco mais de 1,7Kg. Os membros do bebé estão a assumir formas mais macias e o seu corpo é proporcional ao tamanho de sua cabeça. Ele está cada vez mais parecido com um recém-nascido. Os órgãos do bebé continuam a aproximar-se da maturidade. Você irá sentir muitas cotoveladas e pontapés, e nos sítios mais improváveis.

33ª Semana da Gravidez
Talvez os seus pés, as suas mãos, o seu rosto e os seus tornozelos estejam mais inchados. A retenção de líquidos, também conhecida como edema, costuma ser pior quando está muito calor, e ao fim do dia. O surpreendente é que o que ajuda é beber mais líquidos, e não menos. Portanto não hesite em beber água.

Nesta altura, o seu bebé deve estar posicionado de cabeça para baixo - é o que acontece com a maioria dos bebés -, mas pode sempre mudar ainda de posição.

Os ossos do crânio ainda são maleáveis e não estão completamente fundidos, para facilitar a passagem pelo canal do parto.

Ele consegue detectar a luz muito mais facilmente, distinguindo o dia e a noite. O bebé dorme cerca de 90 a 95 por cento do dia e pensa-se que já sonha.

34ª Semana da Gravidez
Se a sua grande preocupação é o parto prematuro, pode ficar mais tranquila: a maioria dos bebés que nascem na 35.ª semana não tem grandes problemas de saúde. As insónias nesta fase são completamente naturais, não só pela ansiedade mas porque é possível que já não tenha posição para dormir.

Os pulmões do bebé estão plenamente desenvolvidos, portanto uma eventual dificuldade respiratória é tratável. Ele está a desenvolver o seu próprio sistema imunitário, o que significa que, em breve, não precisará mais dos anticorpos que recebe através da placenta.

Habitualmente, o bebé já está posicionado para o parto, sendo que a sua cabeça deve estar virada para baixo. Os ossos do crânio não estão totalmente ligados uns aos outros para facilitar a sua passagem pelo estreito canal que o trará ao mundo. Mas os restantes ossos do seu corpo estão a fortificar-se e a endurecer a cada dia.

35ª Semana da Gravidez
Os seus seios podem estar extremamente sensíveis e doridos enquanto você vai se aproximando do final da gravidez. Eles estão-se a preparar para a produção de leite. Use sutiãs que sejam bem firmes para aliviar a dor e o desconforto. O seu lado emocional nestas últimas semanas pode estar extremamente sensibilizado e, as mudanças repentinas de humor são muito comuns. A ansiedade é um dos factores que colabora para esse facto.

O seu bebé pesa em média 2,5 kg e mede cerca de 50 cm e cada dia que passa vai ganhando peso e vai treinando os seus movimentos respiratórios com mais frequência.

Nos rapazes completa-se a descida dos testículos.

36ª Semana da Gravidez
Chegou aos 8 meses de gravidez! É provável que se sintas pesada e ansiosa pelo nascimento do bebé. Sente cada vez mais pressão no baixo-ventre, e percebe claramente que sua barriga está mais baixa, ou seja, o bebé está encaixado. Os seus seios podem deixar sair algum colostro (a primeira variante do leite materno) rico em proteínas.

O bebé já está formado, embora continue a engordar, e pode nascer a qualquer momento, sem ser classificado como prematuro. Serão os depósitos de gordura que o vão ajudar a manter a temperatura corporal depois de nascer. Pesa agora cerca de 2,6Kg e tem aproximadamente 47,4cm.

37ª Semana da Gravidez
Ao se deitar de barriga para cima poderás sentir-se mal disposta e com tonturas, isto deve-se ao peso exercido pelo útero sobre um vaso sanguíneo, dificultando o regresso do sangue ao coração. Deite-se de lado.

O seu bebé está pronto para vir ao mundo, mas enquanto não vem, ele continua a ganhar mais peso e a crescer mais um pouquinho. Cerca de 85 por cento dos nascimentos ocorre num intervalo de 2 semanas (antes ou depois) da data prevista do parto, por isso esteja atenta aos sinais de parto. O fim desta semana marca o fim do desenvolvimento, o crescimento agora começa a abrandar. O bebé vai produzir cortisona (uma hormona necessária ao amadurecimento dos seus pulmões, tornando-os capazes de respirar ar) e acumular cerca de 14 gramas de gordura por dia. O cordão umbilical tem já cerca de 50cm.

Esperar é a palavra-chave nas próximas semanas. Não há muito mais que você possa fazer. Tente aproveitar estes momentos antes da chegada do bebé - alimente-se bem e descanse bastante.

38ª Semana da Gravidez
Prepare-se, pois é grande a possibilidade de ocorrência de contracções fortes. O seu bebé pode nascer a qualquer momento! Sente dificuldade a andar e a endireitar-se e sofre de dores lombares. Nesta fase existe mais líquido amniótico em torno do bebé que em qualquer outra fase da gravidez.

Nesta fase, os bebés continuam a acumular gordura sob a pele para ajudar a controlar a temperatura do corpo quando se encontrarem do lado de fora da barriga. A maioria dos recém-nascidos vem ao mundo com cerca de 2,7 e 4,3 quilos, e os meninos tendem a ser ligeiramente mais gordinhos que as meninas.

Todos os órgãos do bebé estão desenvolvidos, embora os pulmões sejam os últimos a amadurecer totalmente.

39ª Semana da Gravidez
Os últimos dias da gravidez parecem mais compridos que a gestação inteira. Concentre-se nos preparativos finais para se distrair. O grande dia está a chegar... em breve estará com o seu bebé nos braços.

Atenção aos sinais de parto: dores fortes (provocadas pelas contracções) de forma ritmada e constante e rebentamento das "águas". Caso não se sinta bem, não hesite e vá de imediato à maternidade.

O bebé está pronto para nascer tem cerca de 50,7 cm e pesa entre os 2,5kg e os 5 kg. Sabias que o ritmo cardíaco do bebé é cerca do dobro do teu? Tem 120-150 pulsações por minuto.

Aquela camada de pêlo que protegia a pele do seu bebé (lanugo) já desapareceu na sua maioria, mas ainda existem alguns restos nos ombros, testa e pescoço. Depois do nascimento, desaparecerá completamente.

40ª Semana da Gravidez
Bem-vinda à última semana, a do nascimento - isto se o seu bebé ainda não nasceu. O seu corpo dará ao bebé anticorpos para protegê-lo de várias doenças. O bebé colocar-se-á na posição para nascer.

Caso o seu médico ache necessário, poderá induzir o parto, ou seja, provocar artificialmente o parto.

Parabéns e as Boas Vindas ao seu bebé recém-nascido!

Fonte: 
megabebes.pt
federacao-vida.com.pt
Nota: 
As informações e conselhos disponibilizados no Atlas da Saúde não substituem o parecer/opinião do seu Médico e/ou Farmacêutico.
Foto: 
ShutterStock

INFORMAÇÕES ESSENCIAIS COMPATÍVEIS COM RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO NOME DO MEDICAMENTO: Microlax, 450 mg/5 ml + 45 mg/5 ml, Solução rectal e Microlax, 270 mg/3 ml + 27 mg/3 ml, Solução rectalCOMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA: Composição por microclister: Citrato de sódio: 450 mg ou 270 mg; Laurilsulfoacetato de sódio 45 mg ou 27 mg. Excipiente q.b.p.: 5 ml ou 3 ml. FORMA FARMACÊUTICA: Solução rectal (enema). A solução é viscosa, incolor e contém pequenas bolhas de ar incorporadas. INFORMAÇÕES CLÍNICAS – Indicações terapêuticas: Tratamento sintomático da obstipação rectal ou recto-sigmoideia; Encopresis; Obstipação durante a gravidez, obstipação associada ao parto e cirurgia (uso pré e pós­operatório); Preparação do recto e sigmóide para exames endoscópicos. Posologia e modo de administração: Adultos e crianças de idade superior a 3 anos: Administrar o conteúdo de uma bisnaga por dia. Na obstipação marcada pode vir a ser necessária a aplicação do conteúdo de duas bisnagas. Crianças até 3 anos: Na maioria dos casos é suficiente uma bisnaga de Microlax a 270 mg/3 ml + 27 mg/3 ml. Modo e via de administração: 1. Retirar a tampa da cânula (Microlax a 270 mg/3 ml + 27 mg/3 ml) ou quebrar o selo da cânula (Microlax a 450 mg/5 ml + 45 mg/5 ml). 2. Comprimir ligeiramente a bisnaga até aparecer uma gota na extremidade da cânula. 3.Introduzir a cânula no recto. 4.Comprimir completamente a bisnaga. 5.Retirar a cânula, mantendo a bisnaga comprimida. Contra-indicações:Hipersensibilidade às substâncias activas ou a qualquer dos excipientes. Advertências e precauções especiais de utilização: Recomenda-se evitar a utilização de Microlax no caso de pressão hemorroidária, fissuras anais ou rectais e colites hemorrágicas. Interacções medicamentosas e outras formas de interacção: Não foram realizados estudos de interacção. Efeitos indesejáveis: Doenças gastrointestinais: Frequência desconhecida (não pode ser calculado a partir dos dados disponíveis): Como em relação a todos os medicamentos do género, um uso prolongado pode originar sensação de ardor na região anal e excepcionalmente rectites congestivas. DATA DA REVISÃO DO TEXTO: Janeiro de 2009. Para mais informações deverá contactar o titular de Autorização de Introdução no Mercado. Medicamento não Sujeito a Receita Médica.