Estudos

Estudo mostra:
Uma investigação feita por cientistas dos Estados Unidos revelou que a cocaína pode mudar a estrutura do cérebro poucas horas depois do seu consumo.
Investigadores acreditam:
Cientistas britânicos acreditam que comer uma grande quantidade de brócolos pode diminuir, e até mesmo prevenir, a artrose.
Resultados de estudo:
A enxaqueca pode gerar modificações duradouras e permanentes nas estruturas cerebrais, como lesões, segundo uma análise de quase 20 capítulos publicada na revista americana Neurology.
Ensaio clínico:
A combinação de um antiviral e de um medicamento experimental curou 70% dos doentes com hepatite C em ensaios clínicos iniciais, prometendo uma solução mais simples para a doença hepática crónica, informaram investigadores.
Teste da Deco
Um estudo da associação de defesa dos consumidores Deco a 25 marcas de azeite revelou que uma não era azeite e que quatro eram "azeite virgem" e não "azeite extra virgem" como estava descrito no rótulo, numa violação da lei.
Estudo afirma:
Cientistas israelitas descobriram que os bebés que se alimentam de leite materno têm menos probabilidades de desenvolver o transtorno de défice de atenção e hiperactividade (TDAH) que os que consomem leite comum.
Estudo Americano
Um estudo do Hospital Infantil de Boston, nos Estados Unidos, promete mudar a forma como os médicos tratam uma grande variedade de infecções conhecidas pelo seu carácter doloroso e invasivo, como meningite, cáries dentárias e problemas urinários e gástricos.
Estudo conclui
Um grupo de investigadores norte-americanos concluiu que o consumo de framboesas promove a fertilidade nos homens e nas mulheres, aumentando significativamente as probabilidades de gravidez.
Estudo conclui
Uma equipa internacional de investigadores, com elementos da Universidade de Coimbra, concluiu que o consumo de cafeína durante a gravidez é prejudicial ao desenvolvimento do cérebro do bebé.
Cientistas Portugueses concluem
Investigadores do Instituto Gulbenkian de Ciência descobriram que os rearranjos dos cromossomas, existentes em várias situações, como acontece nas células cancerígenas, podem tornar-se benéficos se o ambiente de crescimento em que se encontram for alterado.

Páginas