O que fazer?

Obstrução da via aérea

A obstrução da via aérea mais frequente acontece devido ao inchaço dos tecidos desta via. Pode ainda ocorrer provocada por um corpo estranho, como um pedaço de comida ou um objecto.
Obstrução via aérea

A maioria dos casos de obstrução da via aérea é provocada por engasgamento, ocorrendo com maior frequência durante as refeições. A obstrução pode ser ligeira ou grave. Na obstrução ligeira passa algum ar. A vítima consegue tossir podendo falar e/ou fazer algum ruído ao respirar. Deve vigiar o seu estado e encorajar a tosse.

Na obstrução grave já não existe passagem de ar. A vítima não fala, não tosse e não emite ruído respiratório. Ou seja, não respira. Pode demonstrar grande aflição e ansiedade, sendo necessário actuar rapidamente para a obstrução não resultar na morte da vítima.

Pancadas interescapulares
Na obstrução por corpo estranho, deve começar por tentar desimpedir a via aérea, com aplicação de pancadas interescapulares (ao nível das costas no meio dos ombros) e em caso de insucesso deve efectuar a chamada manobra de Heimlich.

Manobra de Heimlich
Coloque-se por trás da vítima, pondo os braços à volta ao nível da cintura e a sua perna entre as dela. Feche uma das mãos, em punho, e coloque-a com o polegar no abdómen da vítima, um pouco  acima do umbigo.

Agarre o punho da mão colocada anteriormente e puxe. Faça-o com um movimento rápido e vigoroso, para dentro e para cima na sua direcção.

Cada compressão deve ser um movimento claramente separado do anterior. Repita este movimento até 5 vezes, vigiando se ocorre a resolução da obstrução e avaliando o estado de consciência da vítima.

Esta manobra causa uma elevação do diafragma e aumento da pressão nas vias aéreas, forçando a saída do corpo estranho.

Nos bebés
A maioria das obstruções da via aérea nos bebés ocorre com comida ou com pequenos objectos. É fundamental uma actuação rápida.

Se o bebé está consciente, segure-o de barriga para baixo, apoiando o tórax no seu antebraço, com a cabeça mais baixa que o corpo. Dê até 5 pancadas nas costas, a meio dos ombros.

Se não conseguir remover o corpo estranho, deite o bebé de barriga para cima mantendo igualmente a cabeça a um nível inferior ao do corpo. Faça até 5 compressões torácicas, tal como estivesse a fazer manobras de reanimação, após as quais inspeccione a boca e se tiver algum objecto visível retire-o.

Enquanto não resolver a obstrução e o bebé estiver consciente, alterne as pancadas com as compressões. Se ainda não o fez, peça ajuda.

Se o bebé ficar inconsciente ligue de imediato 112 e explique o sucedido.

Fonte: 
INEM
Nota: 
As informações e conselhos disponibilizados no Atlas da Saúde não substituem o parecer/opinião do seu Médico e/ou Farmacêutico.
Foto: 
ShutterStock