Como fazer?

Conservação dos alimentos

A higiene e segurança alimentar constituem uma componente prioritária do dia-a-dia de cada um.
Conservação alimentos

Com a chegada da Primavera a temperatura mais elevada e a humidade são responsáveis pelo desenvolvimento da fauna e flora, aqui incluindo o crescimento e multiplicação de fungos, bactérias e vírus que propiciam a alteração repentina dos alimentos. Um caso clássico é o do pão ficar com bolor, quando não consumido no mesmo dia.

O bolor é um fungo e quando os esporos deste entram em contacto com os alimentos em certas condições de temperatura e humidade produzem micélios. Estes filamentos ao penetrarem nos alimentos tornam-nos bolorentos. Quando o bolor se torna visível a olho nu, quer dizer que já se encontra num estado avançado de crescimento e, por isso, deve-se observar as regras de higiene alimentar para evitar a ingestão de alimentos contaminados por bolores.

Trata-se de fungos saprófitas ou parasitas que existem em estado natural no meio ambiente, plantas e alimentos. Desde que as condições sejam adequadas podem multiplicar-se rapidamente, provocando a putrefacção dos alimentos, tornando-os impróprios para consumo.

Em geral, os bolores não causam grandes transtornos à saúde humana, excepto no caso de indivíduos com problemas no sistema imunitário. A ingestão de alimentos contaminados por bolores pode causar dores abdominais, diarreia, vómitos e outras complicações gastrointestinais agudas.

Siga as dicas:

1- Esteja atento às condições dos produtos;
2- Compre alimentos em estabelecimentos que lhe demonstrem ter condições de higiene e verifique sempre o prazo de validade;
3- Verifique se os alimentos estão bem acomodados e guardados em local fresco e seco;
4- Não adquira produtos alimentares com a embalagem suja, parcialmente aberta ou danificada.

Armazenamento

1- Os produtos alimentares devem guardar-se em local seco e fresco e ao abrigo da exposição directa do sol;
2- Os produtos alimentares pré-embalados devem guardar-se de forma apropriada, respeitando as instruções da embalagem;
3- Uma vez aberta a embalagem, o conteúdo deve ser colocado num recipiente com tampa;
4- Guarde os alimentos no frigorífico para evitar a sua deterioração, devido à humidade.

Deite para o lixo qualquer produto suspeito
Se a embalagem do produto alimentar estiver danificada, ou este parecer bolorento ou húmido, se tiver um sabor esquisito ou apresentar mau aspecto, deite fora de imediato. Nunca elimine apenas a parte com mau aspecto e consuma o resto, pois todo o produto poderá estar contaminado.

Nota: 
As informações e conselhos disponibilizados no Atlas da Saúde não substituem o parecer/opinião do seu Médico e/ou Farmacêutico.
Foto: 
ShutterStock