Farmacêuticos

Associação
A Associação Portuguesa de Licenciados em Farmácia refere que os técnicos de farmácia estão “perfeitamente aptos” a realizar testes de rastreio ao VIH e hepatites nas farmácias, salvaguardando a confidencialidade e o sigilo necessários.
Diário da República
As farmácias vão passar a poder fazer testes rápidos de rastreio ao VIH/sida e às hepatites B e C, sem necessidade de prescrição médica, segundo um despacho hoje publicado em Diário da República.
Farmacêuticos
A Ordem dos Farmacêuticos considera que o cultivo e uso da planta da canábis é “uma não solução” e representa “deixar os doentes abandonados à sua sorte”.
Canábis
A Ordem dos Farmacêuticos manifestou hoje a sua preocupação relativamente à utilização da planta da canábis para fins medicinais, “uma vez que não existe evidência científica que comprove a eficácia e segurança do seu uso”.
Medicamentos
Descontos nos medicamentos não poderão ser superiores a 3%, segundo um projeto de despacho do ministro da Saúde. Medida visa proteger pequenas farmácias. Mas a Autoridade da Concorrência discorda.
Banco Farmacêutico
Mais de 200 farmácias de todo o país vão recolher, no sábado, medicamentos para distribuir pelos utentes de 100 instituições de solidariedade social, no âmbito do programa Banco Farmacêutico, que em nove anos doou 82 mil fármacos.
Para salvar setor
A Associação Nacional de Farmácias quer que o Governo reveja as margens de lucro autorizadas para o setor e que autorize outros serviços, como enfermagem, para salvar centenas de estabelecimentos de insolvência.
Incêndios
A Ordem dos Farmacêuticos manifestou hoje a sua disponibilidade para participar em todas as ações que ajudem a minimizar o impacto na população dos incêndios que afetam várias zonas do país.
Incêndios
A Associação Nacional de Farmácias ativou o seu plano de emergência para garantir a continuidade da assistência às populações vítimas dos incêndios.
Bastonária
Mais de 600 farmacêuticos emigraram nos últimos anos devido aos baixos vencimentos em Portugal, onde farmácias foram obrigadas a despedir os profissionais com maior experiência e mais bem pagos, evitando o fecho de portas, segundo a bastonária do setor.

Páginas