Abstinência alcoólica

A síndrome de abstinência constitui um conjunto de sinais e sintomas observados nas pessoas que interrompem o uso de álcool após longo e intenso uso. As formas mais leves de abstinência apresentam-se como tremores, aumento de transpiração, aceleração do pulso, insónia, náuseas e vómitos, ansiedade depois de 6 a 48 horas desde a última bebida. A síndrome de abstinência leve não precisa necessariamente surgir com todos esses sintomas, na maioria das vezes limita-se aos tremores, insónia e irritabilidade.

Esta síndrome torna-se mais perigosa com o surgimento do delirium tremens, estado em que o doente apresenta confusão mental, alucinações e convulsões. Geralmente começa dentro de 48 a 96 horas a partir da última dose de bebida.

Para se fazer o diagnóstico de abstinência, é necessário que o doente tenha pelo menos diminuído o volume de ingestão alcoólica, ou seja, mesmo não interrompendo completamente é possível surgir a abstinência.

Nota: 
As informações e conselhos disponibilizados no Atlas da Saúde não substituem o parecer/opinião do seu Médico e/ou Farmacêutico.