Saúde ocular

4 cuidados a ter com os olhos no inverno

Atualizado: 
07/08/2020 - 09:43
Além de evitar ambientes muito secos e manter a utilização regular de óculos de sol, deve ter também em conta o tempo que passa em frente a ecrãs e os cuidados de limpeza não só com os seus olhos, mas também com o meio em que vive.
Mulher com gorro e gola de lã

Embora possa não saber, o frio e os dias ventosos e secos do inverno tornam os nossos olhos mais sensíveis e expostos. Ao contrário do que possivelmente pensa, nestes meses é necessário manter alguns cuidados extra, de forma a mantermos os olhos saudáveis, limpos e hidratados. Para o ajudar, as Ópticas Conselheiros da Visão trazem-lhe 4 dicas essenciais.

 

 1. Utilize óculos de sol

Não é só durante o verão que fazem falta. Apesar de existir menos exposição solar nesta época do ano, a utilização dos óculos de sol é essencial para a saúde dos seus olhos. Opte sempre por óculos de sol com lentes adequadas, que protejam os seus olhos contra os raios ultravioleta – UVA e UVB. Se vive ou pretende visitar ambientes de neve, este simples acessório pode ajudá-lo a combater o risco de “cegueira de neve”. Tal como a areia da praia ou os espelhos de água (mar, piscinas, lagos), a neve e o gelo têm a capacidade de refletir o sol, podendo causar queimaduras na córnea e na retina – o uso de óculos de sol é fundamental, uma vez que estas diminuem a luz refletida e aumentam o contraste dos objetos. Umas lentes solares polarizadas são a melhor solução para estes ambientes.

 2. Evite os ambientes muito secos

Que bem que sabe chegar a casa e ficar junto ao aquecedor, à lareira ou deixar o ar condicionado a aquecer todo o espaço. No entanto, estas práticas podem causar (ou piorar) os sintomas de olho seco. Nesta época, o clima frio e por vezes seco, o vento, os fumos e o aumento da poluição, são fatores determinantes para o aumento dos níveis de irritação e comichão nos olhos. Se sofre desta síndrome, recorra a colírios ou gotas de lubrificação para os olhos, que trarão certamente uma sensação de frescura e relaxamento ao seu olho. Se sente desconforto, sensação de areia no olho ou ardor, deve obrigatoriamente fazer isto para se sentir melhor.

Cuidado também se é utilizador de lentes de contacto em altas altitudes: o ar das montanhas é mais seco e provoca alguma intolerância às lentes de contacto. É importante que hidrate os olhos 4 a 5 vezes por dia com recurso às lágrimas artificiais.

 3. Reforce os cuidados de limpeza

Importante em qualquer altura do ano, a limpeza diária dos olhos ajuda a garantir a saúde ocular, além de que ambientes arejados e limpos com frequência diminuem o risco de doenças oculares, uma vez que eliminam bactérias, sujidades e outros agentes passíveis que favorecerem o desenvolvimento dos mesmos. Se tem animais domésticos em casa, durante o inverno deve reforçar as limpezas de forma a minimizar a acumulação de pelos – uma vez que estes podem causar uma conjuntivite alérgica, irritação e comichão.

 4. Não fique demasiado tempo em frente aos ecrãs

É nestes meses mais frios que costumamos passar mais tempo dentro de casa e, consequentemente, em frente ao computador ou televisão, entre outros aparelhos eletrónicos. Para não cansar os seus olhos em demasia, opte por fazer uma pequena pausa a cada 20 minutos. A chamada regra dos 20-20-20 é muito simples, parar a cada 20 minutos durante 20 segundos e olhar a uma distância de 20 pés, cerca de seis metros. Esta regra ajuda a reduzir a fadiga e cansaço ocular.

Artigos relacionados

Entrar na primavera com bons olhos

Como uma alimentação saudável influencia a sua saúde ocular

A saúde da visão das crianças e dos jovens

Fonte: 
EDC
Nota: 
As informações e conselhos disponibilizados no Atlas da Saúde não substituem o parecer/opinião do seu Médico, Enfermeiro, Farmacêutico e/ou Nutricionista.
Foto: 
Pixabay