Lista de Fobias

Ablutofobia Medo de tomar banho
Acarofobia Medo de comichão ou de insectos que causem comichão
Acerofobia Medo de coisas ácidas
Acluofobia Medo do escuro ou da escuridão
Acrofobia Medo das alturas
Acusticofobia Medo do barulho
Aeroacrofobia Medo de lugares abertos e altos
Aerofobia Medo de ventos, engolir ar ou aspirar substâncias tóxicas
Aeronausifobia Medo de vomitar (quando viaja de avião)
Afefobia Medo de contacto
Agirofobia Medo de ruas ou de cruzamentos nas ruas
Agliofobia Medo da dor
Agorafobia Medo de lugares abertos, de estar na multidão, lugares públicos (mercados, shoppings, supermercados) ou de deixar um lugar seguro
Agrafobia Medo de abusos sexuais
Agrizoofobia Medo de animais selvagens
Aicmofobia Medo de agulhas de injecção ou objectos pontudos
Ailurofobia Medo de gatos
Albuminurofobia Medo de doenças renais
Algifobia Medo da dor
Aliumfobia Medo do alho
Alodoxafobia Medo de dar ou receber opiniões
Altofobia Medo de alturas
Amatofobia Medo de poeiras
Amaxofobia Medo de conduzir carros
Ambulofobia Medo de andar
Amicofobia Medo de se coçar
Amnesifobia Medo de sofrer de amnésia
Anablefobia Medo de olhar para cima
Ancraofobia ou anemofobia Medo do vento
Androfobia Medo de homens
Anemofobia Medo de ventos
Anginofobia Medo de se engasgar
Anglofobia Medo da Inglaterra, cultura inglesa, etc.
Angrofobia Medo de se tornar raivoso
Anquilofobia Medo da imobilidade das juntas
Antlofobia Medo das cheias

Páginas

INFORMAÇÕES ESSENCIAIS COMPATÍVEIS COM RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS DO MEDICAMENTO NOME DO MEDICAMENTO: Microlax, 450 mg/5 ml + 45 mg/5 ml, Solução rectal e Microlax, 270 mg/3 ml + 27 mg/3 ml, Solução rectalCOMPOSIÇÃO QUALITATIVA E QUANTITATIVA: Composição por microclister: Citrato de sódio: 450 mg ou 270 mg; Laurilsulfoacetato de sódio 45 mg ou 27 mg. Excipiente q.b.p.: 5 ml ou 3 ml. FORMA FARMACÊUTICA: Solução rectal (enema). A solução é viscosa, incolor e contém pequenas bolhas de ar incorporadas. INFORMAÇÕES CLÍNICAS – Indicações terapêuticas: Tratamento sintomático da obstipação rectal ou recto-sigmoideia; Encopresis; Obstipação durante a gravidez, obstipação associada ao parto e cirurgia (uso pré e pós­operatório); Preparação do recto e sigmóide para exames endoscópicos. Posologia e modo de administração: Adultos e crianças de idade superior a 3 anos: Administrar o conteúdo de uma bisnaga por dia. Na obstipação marcada pode vir a ser necessária a aplicação do conteúdo de duas bisnagas. Crianças até 3 anos: Na maioria dos casos é suficiente uma bisnaga de Microlax a 270 mg/3 ml + 27 mg/3 ml. Modo e via de administração: 1. Retirar a tampa da cânula (Microlax a 270 mg/3 ml + 27 mg/3 ml) ou quebrar o selo da cânula (Microlax a 450 mg/5 ml + 45 mg/5 ml). 2. Comprimir ligeiramente a bisnaga até aparecer uma gota na extremidade da cânula. 3.Introduzir a cânula no recto. 4.Comprimir completamente a bisnaga. 5.Retirar a cânula, mantendo a bisnaga comprimida. Contra-indicações:Hipersensibilidade às substâncias activas ou a qualquer dos excipientes. Advertências e precauções especiais de utilização: Recomenda-se evitar a utilização de Microlax no caso de pressão hemorroidária, fissuras anais ou rectais e colites hemorrágicas. Interacções medicamentosas e outras formas de interacção: Não foram realizados estudos de interacção. Efeitos indesejáveis: Doenças gastrointestinais: Frequência desconhecida (não pode ser calculado a partir dos dados disponíveis): Como em relação a todos os medicamentos do género, um uso prolongado pode originar sensação de ardor na região anal e excepcionalmente rectites congestivas. DATA DA REVISÃO DO TEXTO: Janeiro de 2009. Para mais informações deverá contactar o titular de Autorização de Introdução no Mercado. Medicamento não Sujeito a Receita Médica.