Afeções Gástricas e Esofágicas

Os termos de indigestão e dispepsia são geralmente intermutáveis e são referentes a um conjunto de sintomas do sistema digestivo superior que estão habitualmente associados á ingestão de alimentos.

Contrariamente á mucosa gástrica, a esofágica não está protegida contra o ácido razão pela qual, este ácido ocasiona irritação e um processo inflamatório, com sintomas característicos da esofagite de refluxo, como azia ou pirose na zona terminal do esófago com sensação de saída de água e regurgitação do estômago/esófago para a garganta.

A indigestão é uma situação comum, cerca de 40% da população do Reino Unido sofreu dela em qualquer momento e, 10% apresentam estes sintomas, pelo menos uma vez por semana, não havendo diferenças de incidência entre os géneros.

Causas de Afeções Gástricas e Esofágicas

A indigestão é também conhecida como dispepsia não ulcerosa ou funcional, sem causa grave aparente estando associada á ingestão de alimentos.

Podem considerar-se 2 tipos de indigestão:

  • Indigestão ou dispepsia inespecífica;
  • Refluxo gastroesofágico ou esofagite de refluxo ou refluxo gástrico, conhecido habitualmente como pirose ou azia.

Geralmente, ambas as situações são causadas por processos inflamatórios gástricos e/ou esofágicos, provocados pela saída do ácido gástrico do estômago.

Prof. Doutora Maria Augusta Soares

Nota: 
As informações e conselhos disponibilizados no Atlas da Saúde não substituem o parecer/opinião do seu Médico, Enfermeiro, Farmacêutico e/ou Nutricionista.